sábado, agosto 16

Marcha da Maconha 2008 em Porto Alegre

Abaixo, notícia sobre a manifestação realizada em Porto Alegre:



Curiosidades:

Não tínhamos a mínima idéia de realizar as ações no parque da redenção às 14h. Quem nos deu a idéia foi justamente o jornal Zero Hora, que, na tentativa de uma matéria fácil, inventou a notícia de que estaríamos naquela hora e local realizando uma "Marcha pela Maconha".

Agradecimentos:

Tivemos um curto e amistoso diálogo com os presentes na viatura da Brigada Militar, que, embora não tiveram vontade de receber o nosso material explicando do que a manifestação se tratava, comunicaram (no que concordamos) que "cada um faz a sua parte". Por isso, diante do clima de criminalização e ameaças proposto pelo jornal Zero Hora à esta manifestação democrática, agradecemos a Brigada Militar pelo comparecimento ao evento, seguindo as ordens da juíza em vista de nossa segurança. Agradecemos, também, aos oficiais da Polícia Civil que estiveram presentes para registrar nossos rostos pintados. Nosso "muito obrigado", também, aos amigos da Funerária, que nos emprestaram o caixão de última hora (esquecemos o nome da funerária, mas o que vale é a intenção). A equipe da SBT esteve de parabéns, também, ao não explorar de forma mentirosa e capciosa nossa manifestação, ao contrário do que o grupo RBS fez; tanto é que nem mesmo estavam presentes, talvez porque sabiam que desta vez não haveriam prisões (e fazer uma matéria sobre drogas sem falar de prisões exigiria demais de suas limitações). Além disso, mencionamos aqui todas as pessoas que, naquele domingo frio e chuvoso, por algum motivo estavam no Parque da Redenção; incluindo um senhor que deixou de fazer o seu cooper para nos acompanhar e trocar idéias, e também o outro senhor, que passou, olhou o caixão e demonstrou indignação para conosco. Diante de seu aparecimento na reportagem do SBT, repassamos aqui o revelador diálogo que tivemos:
Senhor: Isso é uma vergonha. Vocês não sabem o que 'tão dizendo. Esse caixão.... as pessoas MORREM com as drogas!
Integrante do grupo 1: Olha, a gente concorda com isso. Mas, também, milhares de pessoas morrem com a repress--
Senhor: Não quero saber.
Integrante do grupo 2: O senhor pode pegar o nosso panfleto, na verdade ele explica melhor o que significa isto, e porquê estamos usando o caixão.
Senhor: Vocês não sabem o que 'tão dizendo.

(...)

Senhor: Eu tenho filhos. Eu sou pai de um viciado. Quando vocês tiverem, vocês vão ver...
Integrante do grupo 2: Eu também tenho um filho...
Integrante do grupo 1: Nós não estamos fazendo apologia, sabemos que muitas pessoas têm problemas com isso---
Senhor: Eu trabalho com saúde, tu não sabe a bobagem que tu tá falando!
Integrante do grupo 1: Eu também trabalho com saúde.
Senhor: Ah é? O que é que tu faz?
Integrante do grupo 1: Sou redutor de danos.
Senhor: Pois é. Eu sou médico. Pra tu ver a diferença que existe aqui entre nós, meu amigo.
Integrante do grupo 3: Ei, pegue um panfleto---
Senhor: Não quero saber. Vocês não sabem o que 'tão dizendo.

É para isto que nosso grupo existe. Para fazer acontecer debates sobre drogas: debates menos apaixonados, menos cegos. Esperamos que um dia, as pessoas pelo menos possam ler o que nós escrevemos antes de falar bobagens por aí.

4 comentários:

Anônimo disse...

Grande blog!
É de coisas assim que precisamos!
Argumentos bem fundamentados, pessoas inteligentes trabalhando a serio para uma discussão de grande importância!
Parabéns!

Anônimo disse...

E nenhuma linha na Zero Hora sobre esta Marcha da Maconha mesmo, essa Zero Hora vai ter que aprender a fazer jornalismo!!!

Anônimo disse...

Dois maconheiros estão passeando pela rua quando eles encontram um pobre velhinho e tentam ajuda-lo. Assim que eles chegam o velhinho diz: "Eu sou um genio, obrigado por me acolher, agora vou concerder-lhes 2 desejos!" Logo que o velhinho diz isso um maconheiro fala: "Eu quero um cigarrinho de maconha pra fazê a minha que eu to na instiga!". Então eles fumaram o baseado com o gênio. Depois o segundo maconheiro falou: "Agora eu quero um baseadão". Então o gênio POOF!! e apareceu um baseado bem grande, logo, eles fumaram. Então, quando os maconheiros tão indo embora o gênio grita: "Ei!! Perae, pensando melhor eu vou conceder a vocês mais um pedido!!"

pedrados.blogspot.com

Caitiff disse...

e a Marcha 2009... vai rolá??